Quem sou eu

Minha foto
Sou Capitão da Polícia Militar, Pedagogo, Especialista em Segurança Pública, Já ocupei as funções de Diretor do Colégio da Polícia Militar-PB (nov2009-jun2017), Coordenador-Geral do PRONATEC na Paraíba (mai2016-mai2017) e Coordenador de Polo do PBVest (2015-jun2017). Atualmente componho o Estado-Maior Estratégico da Polícia Militar da Paraíba, na função de Coordenador do EM/4-Políticas de Prevenção. Acredito que o nosso Brasil pode melhorar muito mais, na medida em que todos possam colaborar com as suas capacidades. TWITTER : @ElmerMelz ; FACEBOOK: Elmer Melz

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Palavras do Diretor

          Revisando meus apontamentos, encontrei o rascunho da fala que fiz na abertura do ano letivo 2010 do Colégio da Polícia Militar, que ocorreu no Ginásio de Esportes do Centro de Educação da PMPB.  Pudemos contar com a presença ilustre do Secretário de Educação do Estado, dos professores e funcionários, pais e alunos.  Utilizei trechos dessa mesma fala várias vezes durante o ano, tanto em reuniões de pais, de professores e até fora da escola.  Falei da seguinte forma:

          "O mundo em que vivemos está transformado.  Muito do que antes tinha-se como verdade, hoje prova-se que era um equívoco.  Muito do que antes era imaginação, hoje é uma realidade.
          Transformada também está a sociedade e os seus costumes.  É certo que os abusos tãocomuns no passado, hoje podem ser denunciados (e isso é bom!).  Entretanto, nota-se que a permissividade, a promiscuidade e a ausência de objetivos de vida, corroem os alicerces da já desgastada sociedade, onde imperam os interesses pessoais em detrimento do coletivo.
          Grandes pensadores de nossa história, entre eles Karl Marx e Jean-jacques Rousseau, já pregavam que o contrato social deve estar vinculado à educação.  Todavia, encontramos muitas das escolas públicas abandonadas, dominadas pela violência, pelo medo ou pela drogadição.
          Seguir uma filosofia militar é um modo de vida. É permitir que a honra, o respeito e a ordem sejam constantes, e permanentes, em nosso viver.
          Muito mais do que policiais, somos militares estaduais.  E o nosso comprometimento eswtá justamente nisto: ter a honra de respeitar a ordem.
          Ao firmar o compromisso de contribuir, também, na educação de nossos alunos, estamos garantindo o resgate do civismo, das tradições e dos valores capazes de potencializar o desenvolvimento do nosso amado Brasil".
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário